alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Equipe de Bolsonaro sonda secretários da Fazenda para permanência, Mansueto deixa porta aberta

    Placeholder - loading - news single img

    1533

    Publicada em  

    Atualizada em  

    Por Marcela Ayres

    BRASÍLIA (Reuters) - A equipe do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) sondou secretários da Fazenda para permanecerem no time em seu eventual governo, mas apenas o atual secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, deixou a porta aberta para a possibilidade, disse à Reuters uma fonte com conhecimento do assunto.

    Também foram convidados o secretário de Política Econômica, Fabio Kanczuk, e o chefe da assessoria especial do ministro, Marcos Mendes, segundo a fonte, que falou em condição de anonimato.

    Kanczuk, inclusive, deixará a Fazenda rumo ao Banco Mundial, o que deve ser anunciado nesta semana. O secretário cumprirá a partir desta terça-feira suas últimas agendas em São Paulo e então entregará o cargo.

    Em seu lugar ficará o atual secretário de Promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência, João Manoel Pinho de Mello, que acumulará as duas funções.

    Procurada, a Fazenda informou que não comentaria o assunto.

    Em julho, o guru econômico de Bolsonaro, Paulo Guedes, já havia indicado à Reuters que poderia manter alguns integrantes da atual equipe econômica do governo do presidente Michel Temer, elogiando Mansueto e o atual presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn.

    No fim de semana, Bolsonaro não descartou a possibilidade de manter Goldfajn à frente da autoridade monetária, reforçando que a indicação para o BC será feita junto com Guedes, seu escolhido para ser ministro da Fazenda. Sobre a permanência ou não de Ilan no BC ainda não há definição, segundo fontes ouvidas na semana passada pela Reuters.

    Escrito por Thomson Reuters

    1. Home
    2. noticias
    3. equipe de bolsonaro sonda …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.