Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Estudo descobre que café pode ajudar no emagrecimento

    A bebida seria responsável pelo aumento de uma gordura boa: a marrom.

    Placeholder - loading - news single img
    Café (Foto: Reprodução/EPTV)

    Publicada em  

    O café pode ser uma posta no combate à obesidade. Isso porque um estudo fez duas descobertas bastante interessantes: a primeira, que existe um tipo de gordura no corpo que, quanto mais, melhor. A segunda, que tomar café pode ser benéfico ao ajudar essa gordura a entrar em ação, o que contribui para a perda de peso.

    O estudo foi feito por cientistas da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, e publicado no periódico “Scientific Reports”. Ele analisou os efeitos de um copo de café na gordura marrom em humanos. Trata-se de um tecido descoberto recentemente em adultos e que, diferente da gordura mais famosa, a branca, é inversamente proporcional ao peso.

    Outra diferença é que, em vez de armazenar energia, a gordura marrom queima calorias e está localizada em camadas mais profundas, na região do pescoço e do coração. "Mas, nos últimos dez anos, a gordura marrom ganhou muito destaque depois que pelo menos três grupos de pesquisa descreveram que ela existe em adultos", explica José Carlos de Lima Júnior, médico e pesquisador de pós-doutorado em biologia vascular na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

    "Ela se tornou então o 'Santo Graal' na busca por tratamentos para obesidade", diz Lima Júnior, pesquisador no Centro de Pesquisa de Obesidade da Unicamp. Mas, segundo o pesquisador, a possibilidade de um medicamento que mire a gordura marrom para tratar a obesidade ainda é distante.

    O papel do café

    Os autores da pesquisa testaram o papel da cafeína de duas formas: em uma, colocando uma dose em contato com células in vitro; na outra, deram para nove voluntários saudáveis um sachê de 1,8 g de café instantâneo dissolvido em 200 ml de água e depois observaram alterações corporais através de exames de imagens.

    As células mostraram atividade metabólica aumentada, como no consumo de oxigênio e abundância de proteínas. Nos indivíduos, a região do pescoço teve aumento de temperatura, o que indica mais atividade na região que coincide com a presença da gordura marrom.

    "Juntos, esses resultados demonstram que a cafeína pode estimular as funções da gordura marrom e que esta tem o potencial de ser utilizada terapeuticamente em humanos adultos", diz um trecho do artigo.

    Lima Júnior diz que muitos pesquisadores têm apostado no papel que os alimentos e alguns compostos naturais podem ter para estimular a gordura marrom, apesar de ser incerto ainda o alcance real da dieta – o quanto de café precisaria ser ingerido para que isso de fato tivesse impacto no tratamento da obesidade, por exemplo?

    Recentemente pesquisadores têm se debruçado também sobre a gordura bege, que parece ter origem como uma célula branca mas ser capaz de transformar-se em marrom.

    "As células de gordura bege estão presentes em todo corpo, e em quantidade cerca de dez vezes maior que a marrom. Ela parece ser capaz de se modificar entre a branca e a marrom", aponta.

    Para ler mais notícias, curta a página Antena 1 News no Facebook!

    Vulcão Nyiragongo: Crianças esperam reencontrar famílias

    Transcrito: 
    Centenas de milhares de pessoas fugiram após a erupção do vulcão Nyiragongo. Naomi perdeu de vista a família no meio do caos. Ela jamais esquecerá o momento em que o céu ficou vermelho.
     
    Naomi (criança deslocada): ”Disse à minha mãe: ’Olha, mãe, o vulcão entrou em erupção.’ Nós saímos e muitos estavam a fugir. Foi aí que nos perdemos uns dos outros. Eu estava apavorada. Estava a tremer. Não conseguia sequer correr para casa.”
     
    Muitas das 400 mil pessoas que fugiram vieram para a cidade de Sake. De acordo com a ONU, há quase mil crianças desaparecidas. Bahati Batitsie trabalha como voluntário para a Cruz Vermelha. Ate agora, ele e os colegas conseguiram encontrar as famílias de 700 crianças. Bahati tem 6 filhos e acolhe outras 3 crianças. São muitas bocas para alimentar.
     
    Bahati Batitsie Fidel (Voluntário da Cruz Vermelha): “Eu sacrifico o pouco que tenho, o que Deus me deu. É assim que alimento as crianças, mas é uma luta.”
     
    Muitas pessoas estão desesperadas. Bebem a água do lago que pode causar cólera. A equipe humanitária tenta oferecer o básico, como farinha.
     
    Bahati Batitsie Fidel (Voluntário da Cruz Vermelha): “As condições de vida são muito más. Não há comida nos mercados. Pessoalmente, não estou a ganhar nada, sou pobre.”
     
    Naomi acha que sabe onde podem estar os seus pais. Mas esse sítio fica longe e o transporte é caro.
     
    Naomi (criança deslocada): ”Depois de encontrar a minha mãe e o meu pai, gostaria de me mudar para cá, porque gosto de aqui estar."

    A brincar sobre a lava de uma antiga erupção. As crianças esperam rever as suas famílias em breve. 
    Veja também:

    1 D

    1. Home
    2. noticias
    3. estudo descobre que cafe pode …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.