Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    EXCLUSIVO-Vale e MG ficaram sem acordo por Brumadinho por diferença de R$11 bi, diz fonte

    Placeholder - loading - Capacete com logotipo da Vale visto em meio a rejeitos de mineração após ruptura de barragem da companhia em Brumadinho (MG) REUTERS/Washington Alves
    Capacete com logotipo da Vale visto em meio a rejeitos de mineração após ruptura de barragem da companhia em Brumadinho (MG) REUTERS/Washington Alves

    Publicada em  

    Por Marta Nogueira

    RIO DE JANEIRO (Reuters) - A mineradora brasileira Vale e autoridades estaduais reduziram sua lacuna em negociações por um possível acordo global para reparação de danos pelo desastre de Brumadinho para 11 bilhões de reais, antes que as conversas fossem encerradas sem sucesso na véspera, afirmou uma fonte próxima do assunto.

    Autoridades de Minas Gerais haviam aceitado reduzir o valor a ser pago pela Vale para 40 bilhões de reais, ante 54 bilhões pedidos previamente, disse a fonte, que falou na condição de anonimato. A Vale ofereceu 29 bilhões de reais, disse a pessoa, o que levou ao fracasso na busca por um acerto.

    Ao encerrar as negociações na quinta-feira, o governo de MG deu um último prazo de até 29 de janeiro para que a Vale apresente uma nova proposta, mas informou que nenhuma outra reunião de mediação seria realizada. Caso não cheguem a um entendimento, o processo retornará para julgamento na primeira instância na Justiça.

    Minas Gerais almejava fechar um acordo antes que o rompimento fatal de barragem da Vale em Brumadinho complete dois anos, na próxima segunda-feira. A tragédia deixou cerca de 270 pessoas mortas, além de ter atingido a cidade, mata e instalações da própria mineradora.

    Procurada, a Vale reafirmou posicionamento enviado na véspera, de que continuará a cumprir integralmente sua obrigação de reparar e indenizar as pessoas, bem como de promover a reparação do meio ambiente, independentemente de haver condenação ou acordo.

    'Até o momento, a empresa destinou cerca de 10 bilhões de reais para estes fins... A Vale reitera sua confiança no Poder Judiciário', disse, em nota.

    Em agosto de 2020, o governo de Minas Gerais, o Ministério Público e a Defensoria Pública estaduais haviam apresentado à Justiça petição de pagamento por parte da Vale de 54,6 bilhões de reais, sendo 28 bilhões a título de danos morais coletivos e sociais e 26,6 bilhões a título de compensação socioeconômica à sociedade mineira.

    Ministério Público Federal, Defensoria Pública da União e Advocacia-Geral da União também foram signatários da petição.

    O pedido foi negado e o Tribunal de Justiça de Minas Gerais vinha, desde então, mediando as tentativas de acordo em audiências de conciliação entre as partes, conforme informações no site do governo de MG.

    A fonte detalhou que o montante buscado pelo acordo seria empenhado em projetos visando reparações relacionadas a questões hídricas, de saúde e meio ambiente, dentre outras.

    No entanto, os valores ofertados pela Vale, uma das maiores produtoras de minério de ferro do mundo, foram considerados insuficientes para garantir a recomposição dos danos causados à população atingida e ao Estado de Minas Gerais, segundo afirmou o secretário-geral do Estado, Mateus Simões, a jornalistas na quinta-feira.

    (Por Marta Nogueira)

    Escrito por Reuters

    Últimas Notícias

    Placeholder - loading - Imagem da notícia 6 músicas internacionais que têm samples de outras canções

    6 músicas internacionais que têm samples de outras canções

    Sample é um termo bastante conhecido no mundo da música, especialmente por compositores, cantores e gravadoras. Mas a verdade é que isso talvez seja algo que esteja guardado apenas para os profissionais da área. Sendo assim, esta matéria foi preparada para informar o leitor, com uma linguagem fácil para todos tenham conhecimento.

    A criação de uma música é muito mais complicada e detalhada do que o ouvinte comum acha. O glamour para os cantores e bandas, como premiações, discos de ouro e platina são apenas o final de um trabalho longo e extenso. Como, sabemos que para uma produção de música, uma equipe com vários profissionais é acionada.

    Para entender o sample, devemos voltar lá na origem do artificio, que teve notoriedade na década de 80, justamente com o crescimento das músicas eletrônicas e os arranjos, em versões de remix.

    Por mais moderno que possa parecer, uma técnica de samplear as faixas musicais são muito mais antigas do que pensamos. As primeira tentativas e estudos originaram o termo, surgiram na década de 40.

    Os franceses teóricos da música Pierre Schaefer e Pierry Henry, foram os pioneiros na preparação da chamada Musique Concrèt, que em resumo é arte de modificar um som.

    Como o próprio diz, o significado de Sample, do inglês para o português é basicamente “amostra”, e essa amostra é uma forma utilizada pelos produtores, em uma criação musical. Diferente do remix, o sample é uma base de um faixa já existente. Para deixar mais fácil para o entendimento.

    Quando um musico pega um violão para compor as primeiras notas de uma obra, ele levará para uma gravadora e produtor musical, e incluir aquele curto trecho instrumental na canção. Essa gravação do violão é uma amostra fica gravada, para o inicio da criação.

    O Sample não está limitado apenas nas gravações instrumentais, mas as vozes são muito presentes também. Muitos produtores usam de uma musica já existente para a elaboração de uma nova.

    Por isso, em algumas situações, é notório quando o ouvinte aprecia uma canção, e assemelha a mesma com outra. Assim, ‘samplear’ pode ser considerado uma forma de homenagear o criador.

    Músicas que utilizam sample

    Madonna - 'Hung Up'

    Do ritmo conhecido e apreciado por muitos, o single ‘Gimme ,Gimme, Gimme’ da banda aclamada ABBA, a diva Madonna, não economizou na homenagem ao grupo sueco. ‘Hung Up’ virou de fato um sucesso em 2005, e talvez poucos sabiam dessa similaridade.



    Confira a versão do ABBA:



    Beyoncé - 'All Night'

    A base feita pela estrela Beyoncé em ‘All Night’ foi de fato uma bela combinação com ‘Spottieottiedopaliscious’. A canção original veio da dupla de rappers americanos, Outkast.



    Confira a versão da dupla Outkast:



    Jennifer Lopez - 'Jenny From The Block'

    O grupo americano de hip hop, The Beatnuts, emprestou um de seus exemplares, ‘Watch Out Now’, para a cantora, compositora e atriz Jennifer Lopez. A batida presente na canção da J.Lo é mais um exemplo da utilização do sample. E vale ressaltar que isso não falta de criatividade, e sim uma admiração e homenagem.



    Confira a versão do grupo The Beatnuts:



    Ariana Grande - '7 Rings'

    Ariana Grande voltou ao passado e utilizou 'My Favorite Things', do clássico 'A Noviça Rebelde' em sua música "7 Rings".    

    16 H
    1. Home
    2. noticias
    3. exclusivo vale e mg ficaram …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.