Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Radares móveis retornam às rodovias federais

    A decisão judicial que determinou a volta dos radares móveis será cumprida pelo governo

    Placeholder - loading - news single img
    Bolsonaro afirmou que os radares servirão para tirar “fotografias educativas”. Crédito da Imagem: iStock

    Publicada em  

    A decisão judicial que determinou a volta dos radares móveis nas rodovias federais será cumprida pelo governo.

    O anúncio foi feito nesta quinta-feira (19), pelo presidente Jair Bolsonaro que afirmou que os equipamentos irão servir para tirar “fotografias educativas”. Os aparelhos estavam suspensos para evitar "desvirtuamento do caráter educativo" e "da utilização meramente arrecadatória", segundo Bolsonaro.

    No entanto, há uma semana, o juiz da 1ª Vara Federal Cível do Distrito Federal, Marcelo Gentil Monteiro, determinou que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) voltasse a utilizar os radares na fiscalização das rodovias, até o dia 23 de dezembro.

    O pedido de restabelecimento dos aparelhos partiu do Ministério Público Federal e foi atendido pelo magistrado. Gentil Monteiro deu um prazo de 72 horas para que a PRF tomasse a devidas providências para manter integralmente a supervisão eletrônica.

    O pedido do MPF contestou o despacho assinado pelo presidente Jair Bolsonaro, no mês de agosto, que determinava a suspensão dos dispositivos. Na época, o texto não especificava a data que a medida entraria em vigor.

    Mesmo assim, a PRF ordenou que os servidores cumprissem a decisão imediatamente.

    Embora contrariado, Bolsonaro determinou o retorno dos aparelhos ao Ministério da Justiça. Para o presidente os radares móveis fazem parte de “uma indústria de multas”.

    No entanto, Bolsonaro não esclareceu o que seria "fotografia educativa" e se haverá multa para motoristas que forem flagrados cometendo algum tipo de irregularidade.

    1. Home
    2. noticias
    3. radares moveis retornam as …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.