alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE costarica

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Coutinho e Neymar marcam nos acréscimos e garantem vitória do Brasil contra Costa Rica

    Coutinho e Neymar marcam nos acréscimos e garantem vitória do Brasil contra Costa Rica

    (Reuters) - A seleção brasileira precisou de um gol de bico aos 46 minutos do segundo tempo, marcado por Philippe Coutinho, para furar o bloqueio da Costa Rica e conquistar sua primeira vitória na Copa do Mundo da Rússia, por 2 x 0, nesta sexta-feira, com Neymar ampliando o marcador também nos acréscimos.

    Depois de empatar com a Suíça por 1 x 1 na estreia, o Brasil foi mal no primeiro tempo contra os costarriquenhos, mas pressionou após o intervalo e finalmente marcou nos acréscimos, com Coutinho e Neymar, que chorou após o apito final.

    Neymar, que passou por cirurgia no começo de março e ficou três meses sem jogar até disputar os dois amistosos que a seleção fez antes da Copa, mais uma vez jogou abaixo de seu potencial.

    O atacante do Paris Saint-Germain reclamou de faltas do adversário, se jogou no chão em alguns lances e teve um pênalti retirado pela arbitragem na segunda etapa após revisão pelo árbitro de vídeo.

    O jogo se encaminhava para um empate de 0 x 0 quando Philippe Coutinho aproveitou uma ajeitada de cabeça de Firmino, em lance que Gabriel Jesus tentou dominar, para chutar de bico e explodir na comemoração.

    É uma emoção muito grande, foi um jogo difícil. Desde o primeiro minuto a gente tentando e no final a gente foi premiado , disse Coutinho, autor também do gol brasileiro no primeiro jogo, após a partida.

    A Costa Rica teve a primeira boa chance do jogo, aos 13 minutos, quando fez boa jogada pelo lado direito de ataque e, após passe para trás, Borges chutou para o gol com perigo para fora.

    Lento e com dificuldades na criação das jogadas, o Brasil pouco ameaçava. Só começou a melhorar aos 26 minutos, em chute de Marcelo que parou em Gabriel Jesus. O atacante chegou a fazer o gol, mas estava impedido.

    A partir daí, o Brasil passou a chutar de longe, com Marcelo, Philippe Coutinho e Willian, porém sem levar muito perigo ao gol da Costa Rica. A única finalização certa ao gol adversário foi um chute fraco de Marcelo de perna direita que o goleiro Navas defendeu fácil.

    Para o segundo tempo, o técnico Tite colocou Douglas Costa no lugar de Willian, que não estava bem na partida.

    Logo depois do intervalo a seleção conseguiu criar várias chances. Dois cruzamentos de Fágner, única mudança no time titular do Brasil em relação ao time que empatou com a Suíça na estreia --devido a uma lesão do titular Danilo--, resultaram em ótimas chances.

    Na primeira delas, Neymar finalizou e Navas fez a defesa, e na outra Gabriel Jesus acertou um cabeceio na trave. No rebote, Coutinho chutou, mas a bola foi desviada.

    O goleiro da Costa Rica ainda fez mais uma defesa em chute de Neymar após cruzamento de Paulinho.

    Aos 23 minutos, Tite fez mais uma mudança, colocando Firmino na vaga de Paulinho para reforçar o ataque.

    Neymar teve outra oportunidade aos 27 minutos ao avançar sozinho pelo meio, mas o chute colocado passou perto da trave esquerda da Costa Rica.

    Cinco minutos depois, Neymar caiu na área e reclamou de pênalti quando o zagueiro da Costa Rica colocou o braço em seu peito. O árbitro holandês Bjorn Kuipers chegou a marcar a penalidade, mas o lance foi revisto após checagem pelo árbitro de vídeo.

    Irritados, os brasileiros reclamaram do árbitro em um outro lance, e Coutinho e Neymar, que socou a bola, levaram cartão amarelo.

    Os dois, no entanto, acabaram sendo responsáveis pela primeira vitória do Brasil no Mundial. Aos 46 Coutinho marcou de bico, e aos 52 Neymar completou passe de Douglas Costa para chutar de esquerda e balançar as redes.

    O Brasil chegou a 4 pontos no Grupo E, um a mais que a Sérvia, que enfrenta a Suíça ainda nesta sexta. A seleção agora definirá o futuro no Mundial em sua última partida da primeira fase, contra a Sérvia, no dia 27.

    (Por Tatiana Ramil, em São Paulo)

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Kolarov marca de falta e garante vitória da Sérvia sobre Costa Rica em jogo do grupo do Brasil

    Kolarov marca de falta e garante vitória da Sérvia sobre Costa Rica em jogo do grupo do Brasil

    Por Toby Davis

    SAMARA, Rússia (Reuters) - Aleksandar Kolarov fez justiça à braçadeira de capitão que carrega ao marcar um belo gol de falta que garantiu a vitória da Sérvia, por 1 x 0, sobre a Costa Rica, neste domingo, na primeira rodada do Grupo E da Copa do Mundo, o mesmo do Brasil.

    Diante da dificuldade em furar a defesa da Costa Rica, Kolarov apresentou-se para acertar uma cobrança de 25 metros, pela direita da grande área, e abrir o placar em um jogo que, no restante do tempo, foi bastante travado, na cidade russa de Samara.

    A Sérvia dominou o jogo contra a Costa Rica, que mal ameaçou depois de um começo animador, mas as chances foram escassas até Kolarov marcar o gol, aos 11 minutos do segundo tempo. 

    Com o Brasil favorito para vencer o grupo, que também tem a Suíça, a vitória representou três pontos que podem se provar cruciais para a Sérvia, enquanto a derrota deixa a Costa Rica em uma posição precária.

    Depois de um começo intenso, em que Aleksandar Mitrovic teve uma cabeçada cortada em cima da linha, e o zagueiro Giancarlo González teve duas chances de marcar de cabeça, a partida entrou em uma dinâmica mais previsível. 

    A Sérvia teve a bola e dominou o meio-campo, com a experiência de Nemanja Matic, do Manchester United, e o talento do jovem Sergej Milinkovic-Savic.

    O armador da Lazio foi a influência mais criativa da Sérvia, embora tinha desperdiçado uma oportunidade clara, cara a cara com o goleiro Keylor Navas.

    O erro na finalização teria sido facilmente esquecido, porém, se ele tivesse convertido uma maravilhosa bicicleta, momentos antes do intervalo, forçando uma brilhante defesa de Navas.

    Mitrovic liderou o ataque da Sérvia e foi uma ameaça para a Costa Rica, com seu estilo de jogo bastante físico, mas quando uma chance fantástica apareceu à sua frente, no começo do segundo tempo, o chute de chapa foi facilmente defendido por Navas. 

    Fez pouca diferença, no entanto, porque Kolarov abriu o placar produzindo um momento de mágica, cobrando falta com curva por cima da barreira, sem chances para Navas.

    Houve poucas chances nos minutos finais, com Joel Campbell, peça-chave da classificação costarriquenha para as quartas de final no Brasil quatro anos atrás, demorando demais para chutar quando teve uma situação clara. 

    Reclamações de pênalti da Sérvia pouco depois foram rechaçadas, quando Mitrovic caiu dentro da grande área, mas a decepção durou apenas até o apito final, quando a vitória foi confirmada.

    Costa Rica e Sérvia serão os próximos adversários do Brasil no Grupo E do Mundial após a estreia da equipe brasileira mais tarde neste domingo contra a Suíça.

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. costarica

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.