alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    NOTÍCIAS SOBRE maradona

    Veja essas e outras notícias da Antena 1

    Placeholder - loading - Imagem da notícia Maradona pede desculpas à Fifa depois de falar em 'roubo monumental' contra Colômbia

    Maradona pede desculpas à Fifa depois de falar em 'roubo monumental' contra Colômbia

    MOSCOU (Reuters) - Diego Maradona pediu desculpas à Fifa nesta quinta-feira, por meio de seu advogado, por ter dito que a vitória da Inglaterra sobre a Colômbia nas oitavas de final da Copa do Mundo foi um roubo monumental e que o árbitro Mark Geiger não esteve à altura da partida.

    Maradona fez comentários criticando com dureza o árbitro do jogo, o que provocou uma resposta severa da parte da Fifa.

    Diego Maradona se desculpa ao presidente (da Fifa Gianni) Infantino por suas frases sobre a Fifa e tem absoluto respeito pela instituição e pelo trabalho dos árbitros , disse nesta quinta-feira seu advogado, Matías Morla, em sua conta de Twitter.

    Na noite de quarta-feira a Fifa disse que reprovava energicamente os comentários do ex-astro argentino.

    Após os comentários de Diego Armando Maradona... a Fifa reprova energicamente as críticas sobre o comportamento dos responsáveis pela partida, que considera haver sido positivo em um encontro duro e muito emocionante , disse o organismo em um comunicado.

    Também considera que os comentários adicionais e insinuações feitas são completamente impróprios e infundados , disse.

    A Inglaterra venceu o jogo na disputa de pênaltis depois de 120 minutos marcados por discussões entre os jogadores, reclamações ao árbitro e simulações de lesões.

    Maradona disse que isso deve ser denunciado... isso não pode ficar assim, é um erro fatal, não importa que quem diga seja o Maradona... Eu disse a Infantino 'venho (à Fifa) se mudarmos tudo... E hoje vi um roubo monumental no campo. Peço desculpas a todo o povo colombiano' .

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Maradona se oferece para treinar Argentina de graça

    Maradona se oferece para treinar Argentina de graça

    Por Andrew Downie

    SOCHI, Rússia (Reuters) - O ídolo do futebol argentino Diego Maradona se ofereceu para treinar de graça a seleção do país, oito anos após sua última tentativa ter acabado em fracasso na Copa do Mundo da África do Sul.

    Maradona, que acompanhou os jogos da Argentina no Mundial da Rússia até a derrota por 4 x 3 para a França nas oitavas de final, foi perguntado se gostaria de ter uma outra oportunidade no cargo -- apesar de o atual técnico, Jorge Sampaoli, ter contrato até 2022.

    Sim, e eu trabalharia de graça , disse Maradona a uma emissora de TV venezuelana. Eu não pediria nada em troca .

    O ex-jogador do Boca Juniors e do Napoli treinou a Argentina na Copa do Mundo de 2010, em que sua equipe foi goleada por 4 x 0 pela Alemanha nas quartas de final.

    Desde então, o craque que levou os argentinos ao bicampeonato mundial em 1986 só treinou dois clubes dos Emirados Árabes Unidos.

    Maradona é uma das figuras mais polêmicas do mundo do futebol, e ocupou as manchetes na Rússia por seu comportamento passional durante os jogos da Argentina.

    Maradona foi responsável por algumas das imagens mais marcantes do Mundial, comemorando vitórias com poses marcantes, mostrando os dedos médios para torcedores e até recebendo ajuda médica no camarote após sofrer uma queda de pressão.

    As pessoas acham que eu estou feliz, mas meu coração está pesado , disse Maradona sobre a eliminação argentina. Me sinto realmente triste por ver tudo que foi construído com tanto esforço ser destruído tão facilmente .

    LER NOTICIA
    Placeholder - loading - Imagem da notícia Maradona diz que está 'bem' após susto em vitória da Argentina, mas é criticado por gesto obsceno

    Maradona diz que está 'bem' após susto em vitória da Argentina, mas é criticado por gesto obsceno

    SÃO PETERSBURGO (Reuters) - O ex-jogador argentino Diego Maradona disse nesta quarta-feira que está bem, após parecer passar mal durante a vitória emocionante da Argentina sobre a Nigéria em partida da Copa do Mundo na terça-feira, mas se encontrou em uma saia justa após fazer um gesto obsceno durante o jogo.

    Quero lhes dizer que estou bem, eu não estou e não fui hospitalizado , disse o ex-jogador de 57 anos em publicação no Instagram.

    Maradona, que foi visto levantando de seu assento com ajuda de outras pessoas em meio à emoção do jogo de terça-feira em São Petersburgo, disse que um médico sugeriu que ele saísse do estádio no intervalo da partida depois que seu pescoço começou a doer e que ele sentiu que poderia desmaiar.

    Mas eu queria ficar, porque era tudo ou nada. Como eu poderia sair? , disse.

    Um beijo para todos, desculpe pelo susto, obrigado por me aguentarem, Diego estará aqui por mais algum tempo! , acrescentou.

    Durante o jogo, Maradona chamou atenção por seu comportamento na arquibancada --se divertindo com os fãs, exibindo uma bandeira com uma imagem dele mesmo e aparentemente dormindo em um momento da partida.

    Mas, depois que o gol de Marcos Rojo aos 41 minutos do segundo tempo garantiu a classificação da Argentina para as oitavas de final da Copa do Mundo, Maradona mostrou o dedo do meio com as duas mãos.

    Gary Lineker, que jogou pela Inglaterra no jogo de 1986 e agora é comentarista da rede BBC, disse que Maradona foi longe demais com o gesto.

    Diego Maradona talvez tenha se decepcionado com sua celebração , disse. Você entende como ele é eufórico, com certeza, mas esse tipo de reação, sério Diego? .

    (Reportagem de William Schomberg, em Volgogrado, e Andrew Cawthorne, em Nizhny Novgorod; Reportagem adicional de Alexandra Ulmer)

    LER NOTICIA

    Fique por dentro

    de tudo o que acontece nos bastidores do mundo da música, desde lançamentos, shows, homenagens, parcerias e curiosidades sobre o seu artista favorito. A vinda de artistas ao Brasil, cantores e bandas confirmadas no Lollapalooza e no Rock in Rio, ações beneficentes, novos álbuns, singles e clipes. Além disso, você acompanha conosco a cobertura das principais premiações do mundo como o Oscar, Grammy Awards, BRIT Awards, American Music Awards e Billboard Music Awards. Leia as novidades sobre Phil Collins, Coldplay, U2, Jamiroquai, Tears for Fears, Céline Dion, Ed Sheeran, A-ha, Shania Twain, Culture Club, Spice Girls, entre outros. Aproveite também e ouça esses e outros artistas no aplicativo da Rádio Antena 1, baixe na Apple Store ou Google Play e fique sintonizado.

    1. Home
    2. noticias
    3. tags
    4. maradona

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.