alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Mais uma farmacêutica faz recall de medicamentos de ranitidina

    Por aqui, a Anvisa já alertou sobre os riscos da substância que pode estar presente em alguns dos medicamentos deste tipo.

    Placeholder - loading - news single img
    Cartelas de remédios (Foto: Pixabay)

    2453

    Publicada em  

    A farmacêutica Sanofi está fazendo um recall voluntário do medicamento para azia Zantac (OTC). O chamamento afeta os medicamentos vendidos nos Estados Unidos e no Canadá.

    A empresa está trabalhando com a Food and Drug Administration dos EUA para determinar a extensão do recall.

    Testes de Zantac e outros medicamentos de ranitidina encontraram a N-nitrosodimetilamina, ou NDMA, uma impureza considerada um possível agente cancerígeno pela Agência de Proteção Ambiental dos EUA, disseram a FDA e a Health Canada em setembro. O NDMA pode ser introduzido involuntariamente na fabricação através de certas reações químicas.

    O FDA vem testando vários medicamentos depois de constatar a impureza nos medicamentos para pressão arterial e insuficiência cardíaca, conhecidos como BRA, na sigla em português.

    O Walmart, a CVS Pharmacy e a Walgreens anunciaram recentemente que interromperiam as vendas de medicamentos para ranitidina devido a preocupações de que possam conter a impureza. Em setembro, a farmacêutica Novartis disse que estava interrompendo a distribuição de todos os medicamentos do tipo fabricados pela Sandoz. 

    Procurada pela Antena 1, a Sandoz comunicou que a "segurança do paciente e a qualidade de todos os produtos são de extrema importância para o Grupo Novartis. Por essa razão, de forma voluntária, a divisão Sandoz está recolhendo das farmácias de determinados países lotes de comprimidos de Ranitidina. O Brasil não está incluído neste recall, uma vez que esta molécula não é comercializada no país".

    Ainda no comunicado, a empresa disse que "se coloca à disposição para eventuais esclarecimentos adicionais por meio do Serviço de Atendimento ao Cliente que pode ser contatado via e-mail sac.sandoz@sandoz.com ou telefone 0800-400-9192"Pelo recall da Sandoz foram afetados os países: Áustria, Albânia, Bélgica, Bósnia-Herzegovina, Croácia, República Tcheca, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Hungria, Irlanda, Itália, Kosovo, Macedônia, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Suécia, Suíça, Holanda, Austrália, Canadá, Líbia, Malásia e África do Sul.

    A Sanofi disse que emitiu o recall após inconsistências nos resultados preliminares dos testes. A investigação continua e a farmacêutica disse que compartilharia os resultados de seus testes com a FDA e a Health Canada.

    A Antena 1 vem acompanhando o assunto desde antes do pronunciamento da Anvisa e já procurou pela opinião de algumas empresas que podem ser afetadas pelo problema. 

    1. Home
    2. noticias
    3. mais uma farmaceutica faz …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.