alexametrics
Capa do Álbum: Antena 1
ANTENA 1A RÁDIO ONLINE MAIS OUVIDA DO BRASIL

    Despesas em 2027: saúde deve subir, educação terá queda

    A estimativa foi feita através de cálculos do Tesouro Nacional

    Placeholder - loading - news single img
    Gastos relacionados à saúde devem chegar a R$ 10,6 bilhões. Crédito da imagem: iStock

    Publicada em  

    Despesas relacionadas à saúde devem chegar a R$ 10,6 bilhões até 2027. A estimativa feita através de cálculos do Tesouro Nacional mostra que o alto valor será decorrente ao envelhecimento e ao aumento da população.

    De acordo com o boletim de risco fiscais, o envelhecimento da população gera mais gastos com remédios, além de serviços médicos e internações.

    Em relação a taxa de natalidade, estima-se que as despesas com recém-nascidos aumentem.

    O boletim do Tesouro Nacional também mostra que a evolução demográfica irá ter uma queda, no valor de R$ 1,1 bilhão, na área da educação. A estimativa é que haja diminuição da população jovem.

    A previsão é que os setores da saúde e da educação tenham um gasto de R$ 9,5 bilhões, entre 2019 e 2027.

    O boletim fiscal levou em consideração fatores, como: reflexo da modificação da estrutura etária, aumento do número de idosos, demanda adicional por despesas públicas e redução do número de jovens na população.

    O valor total representa 10% das despesas de 2018.

    Para estimar os gastos com a saúde, o Tesouro Nacional analisou programas de Assistência Farmacêutica, Farmácia Popular, e atendimentos hospitalares e ambulatoriais.

    Para calcular as despesas educacionais, o boletim levou em consideração o salário-educação, o impacto primário do Fies e o Fundeb [fundo para a educação básica.

    1. Home
    2. noticias
    3. despesas em 2027 saude deve …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.