Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Veja todas as Notícias.

    Medo pelos que ficaram

    Na Alemanha, afegãos que trabalharam para o Exército alemão temem pela segurança de seus familiares que ficaram no Afeganistão

    Publicada em  

    Transcrito:

    Para anonimato, entrevista foi dublada:

    “Minha família corre grande perigo neste momento. Estou realmente preocupado com eles. Com a vida deles, com tudo. Porque quando o Talibã os encontrar, ou se o Talibã souber que eu trabalhei para as forças internacionais por tantos anos, e eu os apoiei, ele irá encontrá-los e toma-los como reféns”.

    Estes dois afegãos trabalharam para o Exército alemão.

    Local: Alemanha.

    Agora, eles estão a salvo na Alemanha com suas esposas e filhos neste abrigo de refugiados. Mas seus pais e irmãos ainda estão no Afeganistão.

    Para anonimato, entrevista foi dublada:

    “Claro que eu estou aqui e seguro, mas a minha cabeça não está em paz, meu coração não está em paz, já que todo mundo ainda está lá. Se a minha família está lá, significa que estou lá. Eles estão em perigo extremo nesse exato momento”.

    Os dois homens temem mostrar o rosto. Eles dizem que o Talibã não é confiável, mesmo prometendo moderação.

    Para anonimato, entrevista foi dublada:

    “Todo mundo conhece o Talibã. Eles não são normais. Eles estão matando pessoas como açougueiros. Não podemos confiar neles”.

    Eles conversam com seus familiares todos os dias. Como forças estrangeiras ainda estão retirando afegãos do país, eles esperam que seus parentes possam estar entre os próximos.

    Para anonimato, entrevista foi dublada:

    “Eu espero, e isso faz parte da responsabilidade dos países para os quais trabalhamos, que eles tragam as nossas famílias que deixamos para trás, no Afeganistão. Porque o Talibã vai mata-los todos”.

    Até o momento, nada aconteceu com familiares de pessoas resgatadas. Os que estão na Alemanha torcem para que continue assim.

    Veja também:

    EUA sofrem com epidemia de violência armada

    Alemanha corre contra o tempo no Afeganistão

    Escrito por DW

    Últimas Notícias

    1. Home
    2. noticias
    3. medo pelos que ficaram

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.