Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
Ícone seta para a esquerda Veja todas as Notícias.

Rússia diz que Ucrânia apresentou esboço 'inaceitável' de acordo de paz

Placeholder - loading - Chanceler russo, Sergei Lavrov, em Moscou 04/04/2022 Alexander Zemlianichenko/Pool via REUTERS
Chanceler russo, Sergei Lavrov, em Moscou 04/04/2022 Alexander Zemlianichenko/Pool via REUTERS

Publicada em  

(Reuters) - O ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, disse nesta quinta-feira que a Ucrânia havia apresentado a Moscou um projeto de acordo de paz que continha elementos 'inaceitáveis', mas que a Rússia continuaria as conversações e pressionaria para assegurar suas próprias exigências.

O Kremlin disse que as conversações de paz entre Moscou e Kiev não estão progredindo tão rapidamente quanto gostaria e acusou o Ocidente de tentar fazer descarrilar as negociações com alegações de crimes de guerra contra a Rússia, o que Moscou nega.

Lavrov disse nesta quinta-feira que a Ucrânia havia apresentado um projeto de acordo de paz à Rússia na quarta-feira, mas que estava fora das propostas que ambos os lados haviam acordado anteriormente.

'Tal incapacidade de concordar mais uma vez ressalta as verdadeiras intenções de Kiev, sua posição de arrastar e até minar as conversações, afastando-se dos entendimentos alcançados', disse Lavrov, acrescentando que as propostas de Kiev eram 'inaceitáveis'.

Não houve nenhum comentário imediato da Ucrânia. Kiev diz que as conversações são necessárias, mas não está disposta a abdicar de sua soberania e integridade territorial.

A Rússia enviou dezenas de milhares de tropas à Ucrânia em 24 de fevereiro, no que chamou de uma operação especial para degradar as capacidades militares de seu vizinho do sul e expulsar pessoas que chamou de nacionalistas perigosos.

As forças ucranianas montaram uma forte resistência e o Ocidente impôs sanções firmes num esforço para obrigar a Rússia a retirar suas forças.

(Reportagem da Reuters)

Escrito por Reuters

Últimas Notícias

Placeholder - loading - Imagem da notícia “ABBA Gold”: 30º aniversário do álbum é celebrado com edição especial

“ABBA Gold”: 30º aniversário do álbum é celebrado com edição especial

Após de três décadas do lançamento do projeto de grandes sucessos do ABBA, o quarteto anuncia a nova versão que celebra o aniversário do disco. A coleção dos grandes hits, “ABBA Gold” está prevista para ser divulgada no dia 23 de setembro e conta com canções como 'Dancing Queen', 'Take A Chance On Me', 'Mamma Mia', 'Super Trouper', 'Fernando', 'Waterloo' e 'The Winner Takes It All'.

O disco da banda sueca é uma das produções mais bem sucedidas na indústria da música, tendo vendido mais de 32 milhões de unidades ao redor do mundo. Outro marco impressionante, é o álbum ter sido o segundo mais vendido de todos os tempos no Reino Unido passando mais de 1.055 semanas no Official UK Albums Chart. Com isso, tornou-se o álbum mais antigo no Official Albums Chart Top 100 de todos os tempos.

Originalmente, o trabalho de 19 faixas foi lançado em 21 de setembro de 1992, e já foi reeditado diversas outras vezes. Um exemplo disso foi a remasterização do disco em 2010, que também foi reembalado para coincidir com o lançamento do filme musical inspirado no ABBA, “Mamma Mia!”

Para marcar a primeira divulgação desse álbum tão emblemático, sua edição comemorativa virá em múltiplos formatos, que serão: 2 novos LPs Picture Disc de vinil pesado, alojado em capa dobrável cortada; novo cassete dourado – também disponível em preto; e ouro 2LP – vinil dourado 2 x 180g. A nova edição limitada do ABBA também já está disponível para pré-encomenda aqui.



O grupo, composto por Björn Ulvaeus, Benny Andersson, Agnetha Fältskog e Anni-Frid Lyngstad, lançou sua última obra em novembro do ano passado. Intitulado “Voyage”, o nono disco de estúdio rendeu muita visibilidade à banda – já que estreou na segunda posição da Billboard 200. Além disso, o primeiro single do álbum, "I Still Have Faith in You", rendeu ao grupo sua primeira indicação ao Grammy.

13 H
  1. Home
  2. noticias
  3. russia diz que ucrania …

Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.