Capa do Álbum: Antena 1
A Rádio Online mais ouvida do Brasil
Antena 1
    Ícone seta para a esquerda Veja todas as Notícias.

    Gucci Cosmogonie: conheça a nova coleção

    A colisão entre universos medievais e contemporâneos nas constelações

    Placeholder - loading - A banda "Måneskin" para a nova coleção Gucci Cosmogonie. - Divulgação
    A banda "Måneskin" para a nova coleção Gucci Cosmogonie. - Divulgação

    Publicada em  

    Recentemente, o mundo ganhou algumas contribuições e marcos na trajetória da marca. Por meio de um novo desfile propondo um novo projeto, a Gucci lançou sua mais recente coleção, "Cosmogonie", que aconteceu na última segunda-feira (dia 16 de maio), no Castel Del Monte, na região da Puglia, na Itália.

    O castelo se localiza em uma das partes montanhosas na região da Apúlia, especificamente em uma das colinas de Andria. Sua construção aconteceu em meados do século XIII por desejos do imperador Frederico II que queria que o espaço se tornasse o centro da Terra. Muitos castelos da Europa foram construídos pensando na parte astronômica e como aqueles espaço poderia servir de observatório.

    Aqui não foi diferente e muito disso se observa na própria estrutura. Hoje, depois de cerca de oito séculos, o lugar é assistido por todas as partes do mundo e ganha atenção com o projeto da grife.


    Para falarmos especificamente da coleção, é bacana desde já apontarmos as principais referências por trás das peças para visualizarmos quão grande e complexa a coleção é. Por meio das ideias propostas as peças dialogam com a embate entre a ciência e a razão, é encontrado formas geométricas, detalhes que vão de encontro com as vestimentas reais dos séculos passados. Ainda sim, todas essas inspirações que o desfile propôs estiveram ligadas com a energia galáctica.

    Leia:

    A nova coleção ficou responsável pelas mãos do diretor criativo da grife, Alessandro Michele, o qual transmitiu um recorte de seu universo fantástico e místico. Uma das maiores inspirações para o desenvolvimento como a criação do projeto foi um texto da pensadora Hannah Arendt sobre o filósofo Walter Benjamin, e a ligação entre ele com as constelações.

    Benjamin foi alguns dos pensadores do passado que quando se viu ameaçado contra a guerra se tornou um refugiado para que fosse possível viver. Seu grande fantasma era o nazismo em seu país natal, Alemanha, que por anos perseguiu a comunidade judaica, a qual fazia parte.


    A história de Walter comoveu e ficou por muito tempo presa na cabeça de Michele. Quando se refugiou na capital francesa, ele conheceu alguns outros estudiosos que se encontravam na mesma situação que ele. Uma delas foi Hannah Arendt, também judia. Juntos eles planejaram fugir para os Estados Unidos, infelizmente apenas ela conseguiu chegar. Pouco tempo depois, ele veio a se suicidar pela tristeza de ter a maioria de seus textos tomados pelo regime nazista. Ele preferiu partir do que viver uma vida em que não pudesse explorar o conhecimento.

    No ensaio criado por Hannah Arendt em homenagem ao amigo, ela conta que a imagem é aquela em que o que foi se junta em um piscar de olhos com o agora para formar uma constelação, o que serviu de inspiração máxima para a criação da coleção, implementando essas percepções e reflexões na criação de cada peça.

    Alessandro contou que para Benjamin, a constelação é uma aparição súbita, cheia de inquietações. É aquilo que surge da capacidade de extrair conjunções entre pequenas partes de mundos que, de outra forma, estariam dispersos: uma poeira fumegante de citações que queima na possibilidade de um contato.

    Leia: Thriller, de Michael Jackson, fará 40 anos de lançamento

    Além das peças que falaremos mais adiante, a estrutura do local respirava a energia cósmica das constelações. Ao olhar para cima do Castel Del Monte, os participantes do desfile se encantavam com as estrelas projetadas no teto do espaço.

    O cuidado com cada detalhe dos espaços criou uma conexão profunda com as pessoas, que ao mesmo tempo dialogava com as peças e construía o desfile magnificamente.

    Confira o desfile, publicado pela própria Gucci em seu canal do Youtube:




    Agora pensando no estilo, na passarela diversos elementos diferentes fizeram parte do desfile como punhos e pescoços com broches. Outro comeback foram as botas de cano alto, amarrações pelas peças como calçados romanos Ao mesmo tempo, existindo ao lado das novas texturas e cores, o verde habitual da Gucci está presente em muitas peças, desde as linhas até os tecidos.

    Outfits bicromáticos, transparências tonalizadas, rendas singulares, tecido levementes produzidos e compartilhado com texturas mais pesadas, luvas extensas, misticidade, realeza, brilho e formas comporam muito do que foi entregue pela marca. “Cosmogonie” se torna uma dos grandes projetos e apostas da Gucci para esse ano.

    Imagem de conteúdo da notícia "Gucci Cosmogonie: conheça a nova coleção" #1
    Toque para aumentar

    Além do desfile, uma das notícias mais recentes envolvendo a grife é a parceria entre Gucci com a faculdade de moda Polimoda na criação de um novo curso de mestrado. Anteriormente, ambos já haviam trabalhado juntos em 2018 e agora, trabalham juntos mais uma vez para a criação desse projeto.

    A marca mostra como cada vez mais se importa com a construção teórica da moda como de estudantes da área além, claro, do impacto global nas ruas e passarelas.

    Imagem de conteúdo da notícia "Gucci Cosmogonie: conheça a nova coleção" #2
    Toque para aumentar

    Confira: Letra e Tradução: Tom Gregory - Rather Be You

    Por outro lado, Michele instiga os apreciadores do show a terem a atitude mais orgânica após o desfile: “Explorem e usem sem parar”. Para o encerramento, os modelos desfilaram entre relances de luz e sombra para pontuar as distopias atuais como pontos extremos na existência da moda, é visível a associação explícita desse momento com a própria definição de imagem que guiou a coleção sobre a imagem e o piscar de olhos na criação de uma constelação de Arendt.

    Para embasar essa construção visual ainda mais, a mágica aconteceu com a projeção das estrelas no céu do espaço que finalizou o evento marcando na memória de todos os participantes como da história da moda.

    Imagem de conteúdo da notícia "Gucci Cosmogonie: conheça a nova coleção" #3
    Toque para aumentar

    Veja também:

    Jessie J libera vídeo demo de faixa inédita

    Shawn Mendes faz versão de “Dancing In The Dark” de Bruce Springteen

    Últimas Notícias

    1. Home
    2. noticias
    3. gucci cosmogonie conheca a …

    Este site usa cookies para garantir que você tenha a melhor experiência.